Chinês descobre que epilepsia era causada por bala alojada no crânio 23 anos atrás

Tem gente que é lerda mesmo, porém dizem que antes tarde do que nunca, não?

Wang Tianqing, um fazendeiro da região central da China, resolveu finalmente pedir ajuda médica, após 23 anos tendo ataques epiléticos e morrendo de dor de cabeça. Ele havia tentado há um tempo atrás, porém na época nada demais foi encontrado. Mesmo tendo convulsões ocasionais, lhe deram apenas uns analgésicos.

Dessa vez os médicos pediram uma tomografia da cabeça do homem e, surpresa, lá estava um projétil alojado dentro do crânio há mais de duas décadas.

Quando perguntado, o fazendeiro dizia não lembrar de nenhuma anormalidade, não fazendo a menor ideia de que como havia sido baleado. Depois de muito puxar pela memória, acabou lembrando de um dia de 1988, em que sentiu uma pontada na cabeça e ficou inconsciente. Também, tanto tempo atrás, o que os médicos queriam?

A bala foi removida cirurgicamente. Segundo os doutores, se ela tivesse atingido só mais uns centímetros para trás e para direita, o fazendeiro teria morrido imediatamente.

Sobre doutorcasa

Neurocirugião autodidata, paranormal e carpinteiro.
Esse post foi publicado em Uncategorized e marcado , , , , , , . Guardar link permanente.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s